Apelido:
Senha:
 
>>> Esqueci minha senha
>>> Novos usuários, aqui!
 
[Ver todas as provas!]
PRÓXIMA PROVA
Run the Night
Dia: 25/11/2017 às 20h30m

PRÓXIMO TREINO ESPECIAL
Treino Lagoa (Profs Eugênio, Luciana e David)
Dia: 26/11/2017 às 07h00m

   

LAGOA,  em frente ao Clube Caiçaras

Segunda a sexta - 6:30 às 9:00 h

Sábado - 7:00 às 10:00 h

 

LEBLON, final da ciclovia

Terça a Quinta - 19:30 às 22:00 h

Domingo 

Rodízio de local - 7:00 às 11:00h

 


Fórum FDV > Relato da loucura: Friburgo 50 km! (18 respostas)

ricsarto escreveu: 24/09/2007 às 09h45m

Relato da prova de 50 km – Friburgo

 

Começamos o dia no café da manhã as 5:00 com muito café, pães e frutas. Sabíamos que enfrentaríamos um longo percurso pela frente e que a primeira (e praticamente única) refeição do dia deveria ser essencial. Aos poucos, à medida que terminávamos o café da manhã, seguíamos em para a entrada do hotel, onde partiríamos todos junto para a o SESC, de onde saíam os ônibus em direção a largada do evento, em Teresópolis. Estava frio e tínhamos que esperar em pé numa longa fila a espera dos ônibus do evento, nenhuma Brastemp, diga-se de passagem. Os corredores que estavam aguardando na fila eram 100% loucos, engraçados, ou ambos! Isso me fez pensar sobre em que categoria nos enquadramos...

Nem todos os corredores estavam conosco, já que praticamente a metade ficaria no km 25. Portanto, partimos para Teresópolis eu, André Gustavo e os primeiros a percorrer a metade do percurso. O ônibus saiu em direção ao local da largada com meia hora de atraso e pudemos ver durante a viagem, o percurso pelo qual passaríamos. De ônibus já foi demorado, o que nos fazia pensar na loucura que estávamos realizando. Muitas ladeiras para baixo na segunda metade, sendo três boas subidas e muitas subidas na primeira metade com mais duas boas descidas.

Terminado a preparação para a largada, nos amontoamos juntos aos corredores numa linha imaginária, que acredito que representava a partida da prova. Infelizmente, não havia chip, ou pórtico de largada, o que tornaria esta prova muito mais interessante...

Começada a prova fomos aquecendo lentamente na primeira longa descida de 3 km. O percurso era inteiramente feito em estrada, pelo acostamento. O visual era muito bonito, especialmente na primeira metade, antes de chegamos à divisa Teresópolis-Friburgo. A imagem era típica de Serra com muitas plantações pelo caminho – mais sobre estas paisagens poderão ser visto no vídeo que eu e André estamos elaborando e que em breve estará no youtube.

Os corredores que fariam integralmente os 50 km estavam de número branco e, pela vontade que estes participantes largaram, pensávamos que seríamos os últimos a completar esta prova. Porém, como diz o ditado: se a “maratona transforma tigre num gato”, imagine correr 50 km e na serra!? O tempo estava ao nosso lado e não tínhamos pressa. Corríamos no ritmo de 6:00-6:40, variando em função das inclinações e pudemos ver muitas equipes de menor estrutura participando deste evento.

Tudo ia bem até que chegamos ao km 18, quando efetivamente iniciamos uma boa subida. Até então mantínhamos o esquema de um gel a cada 7 km, água no corpo e cabeça, além de Gatorade desde o início da prova. A subida tinha cerca de 2 km e era em curvas. Se fosse comparado a uma esteira deveria ter cerca de 5-8 graus de inclinação.

Ufa... finalizamos esta parte e chegamos ao ponto mãos alto da prova, no km 20. Daí até o km 25 era de pequenas descidas e plano, um bom e merecido descanso. Era hora de descontar o ritmo de 7:30-8:00 da subida. E assim fizemos até chegarmos na metade da prova com o ritmo de 6:40. Passar da metade de uma prova, ou até mesmo treino é muito bom, especialmente sabendo que agora “só falta uma metade”. Mas em uma prova de 50 km isso é muita coisa ainda! Foi bom ter o suporte da equipe neste momento, como sempre com água gelada, Sport Drink, Gatorade. Além disso, muitos dos corredores que haviam terminado a primeira metade ainda estavam por lá e fizeram uma grande festa a nossa passagem. Isso deu ainda mais garra para continuarmos.

O tempo começou a esquentar Já passava de 10:00 e todos sabem como é o sol na Serra. Com o calor aumentando, nos aproximamos de outro marco, a km 29, de onde faltaria “apenas” uma meia maratona. Passamos com muita disposição e agora, apesar de não termos uma paisagem tão bonita quanto no início, tínhamos a vantagem de já conhecer o percurso. Daí em diante eram 3 fortes subidas, intercaladas com longas e fortes descidas. À medida que chegávamos ao km 35 sentíamos a perna endurecer, como normalmente acontece nas maratonas. É claro que como o ritmo ainda estava na faixa dos 6:00-6:40, a perna ainda respondia bem. Passamos do km 35 e começamos a segunda subida desta segunda metade. Tenho que admitir que foi bem difícil. Meus batimentos chegaram pela primeira vez na prova a mais de 180 e tive que reduzir para não ter que caminhar. A esta altura já havíamos passado por muitos corredores que estavam andando e via-se que aqueles que partiram mais fortes foram os primeiros a caminhar.

Começamos uma longa descida de quase 5 km e mesmo sendo mais fácil, tínhamos que poupar a perna para o final. Portanto, fomos segurando ladeira abaixo, rumo aos últimos 10 km!

Passamos pelo km 40 e um pouco depois pelo km 42, o último grande marco desta prova. A partir daí “só faltavam 8 km”. Parece pouco (na verdade 16% da distância), mas é mais que uma volta na Lagoa, e ainda continha o último ladeirão. Mas quem se importava com isso, já que de agora em diante já éramos ultra maratonistas? ;-)

Nesta hora uma onda de endorfina pareceu percorrer nossas mentes e começamos a acelerar. O André cantava sozinho e eu ria sem parar. Deste ponto em diante nos separamos e forcei um pouco mais e seguimos separados em direção a chegada.

Finalmente, avistei, agora sim, um pórtico. Acelerei e cruzei a linha de chegada sob uma grande festa de nossa equipe. Foi mais uma grande emoção e até que enfim parei de correr!!! Terminei os 50 km com 5:24, pace médio de 6:29.

Tenho que tirar o chapéu para quem completou esta prova sem o suporte de nossa equipe. O suporte da prova era amador, faltando água e esta ainda estava quente em diversos momentos. Mas na minha memória ficaram apenas os bons momentos vividos e, como sempre, o maravilhoso espírito da equipe Filhos do Vento.

 

Obrigado a todos que estavam presentes neste evento, em especial a Alexandre e Ana Karina que estavam no suporte e ao meu companheiro de loucura, André Gustavo, que completou a prova com muita disposição.

 

Ricardo Sartorato

Resposta de: magda em 24/09/2007 às 12h40m

Foi muito maneiro ver vocês dois chegando. De arrepiar!!!!!

 

Resposta de: hrocha em 24/09/2007 às 13h41m

IRADO!!!

 Parabéns aos dois malucos, ano que vem me animo pra entrar nessa loucura!!!

 abs

Herbert

Resposta de: pecego em 24/09/2007 às 14h49m

Parabens pela corrida de ontem. Abraço Pecego

Resposta de: CRML em 24/09/2007 às 17h56m

Ricardo, parabéns pelos 50 Km.

Lembre-se que é só o início!!!!

Quando crescer, vou querer ser igual a vc e André.

Beijos,

Claudinha.

Resposta de: Andre em 25/09/2007 às 12h47m

Muito legal o relato Ric!

Depois vamos juntar os vídeos e fotos e fazer o DVD oficial da prova!

E lógicamente marcar uma bagunça para exibição do mesmo!

 

Abs!

 

Resposta de: ricsarto em 25/09/2007 às 16h31m

Olá pessoal!!

Valeu pelos recados!!

Reforçando o que o André falou: vamos marcar um dia para a exibição do vídeo.

André, já estou com os vídeos no computador lá da academia. Vc quer passar lá e pegar ou prefere que eu lhe grave um cd?

Abs

Resposta de: fbloreti em 26/09/2007 às 06h11m

Ricardo,

Meus parabéns. Me sinto honrada em ser aluna de um ultramaratonista. Com garra, disciplina e um grande suporte, vc se superou. Imagino a sua felicidade em ver aquele pórtico na chegada e dizendo: "Consegui". Realmente, não é para qq um, não. É só para os grandes, fortes e FDV's. Parabéns novamente e ao seu companheiro André, cuja companhia deve ter ajudado muito e vice-versa. Vcs são pessoas que devemos nos espelhar. Bjs. 

 

Resposta de: ricsarto em 26/09/2007 às 07h29m

Obrigado Fárima!!

Sem o opoio da equipe nem pensaria em tentar! Eu só faço isso porque tenho alunos que me inspiram! rsrs

Bjs

Resposta de: tonico em 27/09/2007 às 10h28m

50 km é casca! Parabéns pelo texto e, pela prova, a ambos! Me deixa feliz e motivado esta história. Carlos Antonio

Resposta de: Alexandra Kanitz em 01/10/2007 às 17h54m

Ricardo,  Mandou MUITO BEM!  Li o seu relato aqui para o John e ficamos inspiradissimos!  Acho que vamos ateh marcar uma participacao na proxima 5K aqui, para sentir 10% do que voce sentiu. rs rs rs. E ai, ja te falaram que nao tem que pensar muito em que categoria voce se encaixa (maluco ou engracado)- eh claro que eh de maluco ;-)))

Beijao de parabens e continue nos inspirando - Alexandra e John.

Resposta de: aline em 03/10/2007 às 22h09m

ULTRAMARATONISTAS ANDRÉ e RICARDO!

Parabéns pelo feito! Tenho certeza que a sensação de ter superado a marca dos 42,195km deve ser única!  Vocês são as duas pessoas que mais têm noção do tamanho da minha inveja! :o)

Aguardo ansiosa pela minha inclusão na "lista dos ultras"! ;-)

Fiapa

 

Resposta de: mbsolano em 21/10/2007 às 18h05m

 

Ricardo,

em primeiro de tudo eu queria saber o que foi que vcs comeram no café da manhã... Foi cocô ??? Deve ter sido, vcs devem comer cocô!!!!

Realmente, fiquei cansado só de ler... Lembro de ter passado por vc completamente na merda na Maratona do Rio !!!! Aquilo me marcou pq eu só tinha visto vc tão mal em Floripa depois da loucura que vc fez lá sem ter treinado pra isso... Mesmo eu, que sacaneio geral depois de uma corrida, tenho por hábito nunca sacanear durante; sempre costumo dizer que só quem está andando ou sofrendo num determinado momento da corrida é que sabe o que está sentindo.

Parabéns pela loucura, pelo ânimo e por não desistir; vcs merecem!!!! Quando o corpo quebra, a cabeça e a persistência é que completam a prova!!! Que isto sirva de inspiração pro Alexandre parar de comer pão de queijo e recomeçar a correr!!!

Um grande abraço pra vc e pro André e tô querendo marcar outra feijoada com a Ana, vc e quem mais quiser lá em Santa Teresa.

Solano

Resposta de: fcamargo em 21/10/2007 às 19h16m

Caro Solano,

Espero que todos os Filhos do Vento leiam o que você escreveu. Afinal, ficar sacaneando atletas durante uma maratona é brincadeira! Ter inveja e torcer contra os outros é ridiculo. Concorda?

Atenção aos Maratonistas inscritos em Paris: Tem um médico na Equipe que cobra a consulta para dar um atestado medico muito barato. Dizem que aceita Vale Refeição, Euro e/ou Caixas de Cervejas.

Abs,

Filipe

Resposta de: anak em 21/10/2007 às 21h08m

Solano, por mim, domingo depois do treino tá marcado!!

bjs

Resposta de: ricsarto em 21/10/2007 às 23h18m

Olá Solano!

Obrigado pelas palavras! Este ano realmente foi marcado por uma série de provas marcantes, começando por Floripa e culminando com a ultramaratona. Isso tudo faz parte do aprendizado do corredor, saber forçar na hora certa e tentar se prepapar o melhor possível para o que vai enfrentar. Sabemos das dificuldades da vida de cada um dos alunos e entendemos o grande esforço que é realizado para cumprir as metas de treinamento. Eu mesmo, assim como vc, me coloco como um destes que tem que realmente se esforçar para manter os treinos dentro do previsto. No caso de Floripa, fui pego de surpresa pela lesão da Aline, o que fez com todos na equipe aumentassem a km, além de ter mais trechos com dificuldade técnica e a própria pressão para manter o ritmo médio que nos faria terminar a prova no tempo máximo permitido. Na maratona do Rio a tentativa era de melhorar o tempo de 2006, mesmo se não conseguisse, mas, como a maioria dos que tentaram, também fracassei. O clima do Rio é imprevisível e a maratona não é uma prova em que se pode ousar demasiadamente. Paguei o preço, mas aprendi mais uma lição. Já com o André em Friburgo foi diferente. Sem a pressão de tempo tudo é mais fácil e vc pode se dedicar a completar uma prova, onde o mais importante foi mater a disciplina do ritmo correto, que era cerca de 30" mais lento que a média da maratona.

Bem, o importante é continuar tentando, certo? E por isso, que meu calendário de provas do ano que vem já está sendo montado e sei que em Paris teremos uma boa chance de diminuir o tempo na maratona! Vamos treinar juntos para esta prova que marcará nosso histórico como corredores!

Vamos conversar mais isso lá na feijoada?

Abs, Ricardo.

Resposta de: lima em 22/10/2007 às 08h18m

Solano,

Estava pacato em meu canto mas sou obrigado a me pronunciar:

1- já sou casado e Paulinha é ciumenta, portanto, para de se oferecer a mim, ok?

2- De 5km a maratona, no passado ou no presente, só dá Delima no confronto direto. Escolha prova, distancia e data. Tem que respeitar...

abs e bons treinos

Resposta de: mbsolano em 22/10/2007 às 23h45m

 

Respondendo à todos:

1- Laudo meu filho, se vc me ajudar na minha empreitada de atestados médicos, eu te empresto algum pra que vc pague as suas dívidas com apostas em cavalos. Euros são bem vindos, cerveja também, mas vale refeição eu deixo pra vc que já não tem onde cair morto. Quanto ao outro comentário, tô contigo e não abro; por essas e outras vc ainda tem o meu apreço!!!

2- Alexandre, vc parece a torcida do Flamengo dizendo que é campeã do mundo, o que aconteceu há longíquos 26 anos atrás!!!! Quem vive de passado é museu!!! Se fosse pra me gabar do passado, eu seria rei pq o meu Botafogo(atualmente Bostafogo!!!) tem o passado bem mais glorioso do que o do Flamengo e de outros times menores. Pela dignidade que o seu sócio mostra ao correr com tanta devoção, eu lhe rogo com fervor: ressuscite!!!! Levanta da tumba Moon Rá!!!! Larga a colher de brigadeirão e vamos correr pra queimar a sua pochete!!!! Por favor, tá todo mundo comentando!!!! Vc me lembra o Neto do Corinthians, lembra??? Jogava muito no começo, depois ficou roliço e era chamado de bacon boy!!! HAHAHAHA

3- Ana Karina e Ricardo o evento gastro-acabação já tá combinado!!!! Feijoada com cachaça e rede depois!!! É nóis!!!

Um abraço

Resposta de: mbsolano em 23/10/2007 às 16h18m

Ana e Ricardo,

 tem feijoada no domingo lá? Fiquei pensando nisso, pq o dia da parada da Ana era num feriadão, se não me engano num sábado. Até onde eu me lembro, dia de feijoada nos restaurantes é sábado... Se não rolar feijoada, a gente pode ver outro esquema, mas eu preferia uma feijoada.

Abraço

 

 
 
Confira os últimos 5 tópicos do nosso Fórum:
POR: TÓPICO: ÚLTIMA MENSAGEM:
Gisela Ossola Nascimento ossola Assistência Técnica Garmin RJ ? (3) 04/09/2017 às 14h11m
Romulo Oliveira Souto romsouto Garmin Forerunner 610 (1) 14/08/2016 às 09h55m
Jaime Luis Simões Filho JaimeSimões TIMEX GPS - MARATHON (Lacrado Novo) R$440,00 (1) 04/12/2015 às 10h34m
Domenica Sarkovas dsarkovas Tenis Ascis Kayano 19 - R$ 400,00 (0) 20/02/2014 às 08h24m
MARCELO BORGES ARAUJO MBAraujo Vendo Polar RS300X (2) 04/02/2014 às 18h15m
ver todos os tópicos
Enquete FDV
Qual seu sabor preferido de Gatorade?
Limão
Tangerina


Ver Resultados
 
Asics Gatorade Minalba RJZ Cyrela D Vitaminas Gu