Apelido:
Senha:
 
>>> Esqueci minha senha
>>> Novos usuários, aqui!
 
[Ver todas as provas!]
PRÓXIMA PROVA
Run the Night
Dia: 25/11/2017 às 20h30m

PRÓXIMO TREINO ESPECIAL
Treino Lagoa (Profs Eugênio, Luciana e David)
Dia: 26/11/2017 às 07h00m

   

LAGOA,  em frente ao Clube Caiçaras

Segunda a sexta - 6:30 às 9:00 h

Sábado - 7:00 às 10:00 h

 

LEBLON, final da ciclovia

Terça a Quinta - 19:30 às 22:00 h

Domingo 

Rodízio de local - 7:00 às 11:00h

 


Fórum FDV > CORRIDA NA GRAVIDEZ (1 respostas)

lima escreveu: 16/03/2009 às 09h42m

Olá Galera,

mais um aluno fdv se destacando na mídia!

Vejam a reportagem sobre corrida na gravidez que saiu no site da O2 esta semana. Muito legal Claudinha! Parabéns!

Corrida na gravidez


A prática de atividade física na fase de gestação é benéfica para a mãe e o bebê. Saiba como obter o melhor das passadas neste período

 


Por Cesar Candido dos Santos

A gravidez é um período quer requer diversos cuidados e atenções. Mas isto não significa que as futuras mamães precisam deixar de fazer tudo aquilo que estão acostumadas e ficarem estáticas durante nove meses. Muito pelo contrário, pois praticar exercícios nesta fase traz inúmeros benefícios para as mulheres e os bebês.

“Estudos mais recentes recomendam e ressaltam a importância da atividade física na gravidez. Praticar exercícios melhora a qualidade da mãe, que fica mais saudável, e contribui para o desenvolvimento da criança antes e depois do nascimento”, diz Alexandre Lima, professor de educação física e diretor técnico da assessoria esportiva Filhos do Vento.

“Realizar exercícios durante a gestação é excelente e sempre recomendável. A mulher que pratica esportes fica com a musculatura mais forte e suporta melhor a sobrecarga da gravidez. Além disso, a atividade física também melhora a respiração da mulher, a oxigenação do bebê e facilita o parto normal”, explica o ginecologista e obstetra Jorge Naufal, diretor do Hospital e Maternidade Neomater e autor do livro “Gravidez, um caminho seguro”.

Passadas seguras
Por ser uma atividade de impacto, a corrida não é indicada para as futuras mamães que nunca praticaram o esporte. Elas devem optar por atividades como natação ou hidroginástica. Porém, as mulheres que já estão habituadas a correr, podem continuar com os treinamentos durante a gravidez, desde que autorizadas pelo médico.

“A primeira coisa que a gestante tem que fazer é procurar um médico, para que ele a autorize a correr. A supervisão do obstetra deve ser constante ao longo dos nove meses”, orienta Gustavo Bikelis, professor de educação física graduado pela USP. “Durante a gravidez, a mulher pode continuar correndo normalmente, desde que seja em um terreno plano e não acidentado, para evitar risco de quedas e torções”, completa Naufal.

Além disso, os treinamentos devem ser mais leves do que a corredora estava acostumada a fazer anteriormente, conforme explica Alexandre Lima: “Os treinos na fase de gestação são mais voltados para a qualidade de vida, a manutenção de peso e para aliviar o estresse. Eles devem ser realizados com 70% da FC Máx. (frequência cardíaca máxima) e percepção de esforço na faixa de leve a moderado”.

“Descobri que estava grávida logo depois de completar minha terceira maratona. A partir daí, diminui consideravelmente o ritmo nos treinos, e sempre tomei o cuidado de controlar os batimentos cardíacos”, diz Claudia Lacerda, 35, advogada, mãe do pequeno Vitor, de 6 meses. “Correr durante a gravidez me trouxe diversos benefícios físicos e psicológicos. Não senti nenhum incômodo, tive uma gestação tranquila e consegui manter o peso. Além disso, não fiquei ansiosa e a corrida me ajudou muito a controlar o nervosismo. Só quando tive que parar com os treinos é que comecei a ter desejos malucos e comer descontroladamente”, conta Claudia.

Fim dos treinos
Algumas mulheres conseguem correr ou caminhar até o último mês de gravidez, e o momento certo de interromper os treinos varia muito de pessoa para pessoa, por isso, é importante conhecer os limites do próprio corpo e ficar atenta a qualquer sinal.

“A mulher pode correr até o final da gravidez, desde que isto não se torne uma atividade muito exaustiva. A gestante precisa conhecer os próprios limites, e interromper a atividade física a qualquer sinal, como falta de ar, taquicardia ou se começar a subir a pressão”, alerta Naufal.

“A hora de parar é algo natural, porque em determinado momento a corrida passa a ficar desconfortável”, diz Bikelis. “Interrompi os treinamentos no sétimo mês de gravidez, quando comecei a sentir algumas dores nas costas. Mas dois meses após o nascimento do Vitor já estava correndo novamente”, conta Claudia.





 

  

 

Resposta de: CRML em 17/03/2009 às 11h27m

Atenção que o nosso querido CAVEIRA mais uma vez se encontra na mídia esportiva. Esse cara é bom!!!

 

 
 
Confira os últimos 5 tópicos do nosso Fórum:
POR: TÓPICO: ÚLTIMA MENSAGEM:
Gisela Ossola Nascimento ossola Assistência Técnica Garmin RJ ? (3) 04/09/2017 às 14h11m
Romulo Oliveira Souto romsouto Garmin Forerunner 610 (1) 14/08/2016 às 09h55m
Jaime Luis Simões Filho JaimeSimões TIMEX GPS - MARATHON (Lacrado Novo) R$440,00 (1) 04/12/2015 às 10h34m
Domenica Sarkovas dsarkovas Tenis Ascis Kayano 19 - R$ 400,00 (0) 20/02/2014 às 08h24m
MARCELO BORGES ARAUJO MBAraujo Vendo Polar RS300X (2) 04/02/2014 às 18h15m
ver todos os tópicos
Enquete FDV
Qual seu sabor preferido de Gatorade?
Limão
Tangerina


Ver Resultados
 
Asics Gatorade Minalba RJZ Cyrela D Vitaminas Gu